Sem ser finalizada, parceria de Erasmo e Milton fica fora do disco do ‘Tremendão’

Anunciado oficialmente em dezembro com a edição do single com a música Não existe saudade no Cosmos, de autoria do compositor baiano Teago Oliveira (do grupo Maglore), o 31º álbum de Erasmo Carlos foi gravado com o toque de banda formada por Bruno Di Lullo (baixo), Carlos Trilha (sintetizadores), Guilherme Monteiro (guitarra e violão), Luiz Lopez (violão de aço e vocais) e Pedro Dias (baixo e vocais), além do produtor Pupillo no toque da bateria.

Deixe uma resposta