Voz de novelas dos anos 1970, cantor Djalma Dias tem raro álbum editado em CD

Com voz que sabia cair no suingue, Djalma iniciou carreira na década de 1960, tendo gravado oito compactos entre 1965 e 1973, ano em que lançou o primeiro álbum, Destaque, pela gravadora Som Livre. Na sequência, em 1974, o cantor lançou pela mesma companhia fonográfica um segundo álbum, Não faça drama… Caia no samba! (Som Livre), cujo título já anunciava a opção pelo samba, confirmada na gravação de É loucura (Norival Reis, 1974) e nas abordagens de Foi um rio que passou em minha vida (Paulinho da Viola, 1970) – com leve acento nordestino – e Samba de Realengo (Cyro Monteiro e Dias da Cruz, 1946), entre outras faixas.

Deixe uma resposta