Yves Saint Laurent: como um estilista mudou a moda para sempre

O que hoje parece retrógrado foi extremamente rebelde e vanguardista na época. Na maison Dior, por exemplo, Saint Laurent desprezou o “padrão ampulheta”, notoriamente usado pelos estilistas, ao criar, em 1958, um vestido em forma de trapézio. Em 1960, sua última coleção pela Dior foi dominada pelo preto.

Deixe uma resposta