a volta a ‘stranger things’, um pouco de ‘grey’s anatomy’ e uma série sublime e obscura

Então lá fui eu, desocupada que sou, voltar a ver “Stranger Things” para, no mínimo, poder participar de novo de conversas com amigos e ao menos poder falar mal com propriedade. Foi muito menos pior do que pensei. Me peguei, veja você, até curtindo a serie em alguns momentos e querendo ver o episódio seguinte. Mas assim: é boa? Não, não é. É fofinha divertida, mas não é boa, não merecia indicação ao Emmy e não merecia que você me xingasse porque eu não gosto. Tirando isso, o que tenho a dizer, com muito atraso, eu sei, é:

Deixe uma resposta