Excêntrica demais para o Louvre, escultura erótica é exibida no Centro Pompidou

“Obsceno, pornográfico? Bem, obscenidade está em todos os lugares, pornografia, infelizmente, está em todos os lugares, certamente não nesta obra de arte”, disse Bernard Blistene, diretor do Centro Pompidou.

Deixe uma resposta