Bruno Borges não revelou à família onde esteve escondido por quase 5 meses, diz mãe

“Vinha de joelho fazendo muita oração. Senti que tinha que ir em Aparecida, fui sozinha. Fiquei de joelho em frente a imagem e pedi para ela que se fosse para o bem de todos, que devolvesse meu filho. Assim como ela foi achada no rio por alguém, que ela também achasse meu filho. Ele disse que sentiu essa vibração e resolveu voltar. Lá em Aparecida, contei para o padre, que chorou, contei para as camareiras do hotel e todo mundo chorava. Acreditam muito nela e acham sim que foi um milagre, que ela tocou no coração dele”, diz.

Deixe uma resposta