Bosco declara amor incondicional de pai para filhos em música inédita


Estrategicamente lançado dois dias antes do Dia dos Pais, celebrado neste domingo, o primeiro single do primeiro álbum de João Bosco em oito anos, Onde estiver, versa sobre a relação de pai e filhos. No caso, a letra – escrita por Francisco Bosco, filho de João, com versos de construção simples e linguagem direta – expõe a declaração de amor incondicional de um pai sempre a postos para zelar pelos filhos.


“Ê pai, ê pai! / Quem vai velar por você?”, questiona João Bosco, através dos versos do filho Francisco, ao fim da música, cuja gravação é conduzida pelo violão personalíssimo de João. Violão de toque singular que evoca o universo musical árabe também embutido na música deste cantor, compositor e músico mineiro descendente de libaneses por parte de pai. O ‘ê, ê…’ do canto final sugere um aboio nordestino. Clique aqui para ouvir o áudio oficial da música.


Eis a letra de Onde estiver, primeira música revelada de um álbum em que Bosco abre parceria com Arnaldo Antunes (Ultraleve), apresenta samba inédito feito com o antigo parceiro Aldir Blanc (Duro na queda), canta outras quatro parcerias com o filho Francisco (entre elas, Fim) e regrava obra-prima composta com Chico Buarque (Sinhá, lançada em 2011 em álbum do parceiro):


Onde estiver

(João Bosco e Francisco Bosco)

Onde estiver sempre trago vocês

Dentro do meu coração

E onde estiverem me levem também

Somos um só coração

E em cada angústia, cada aflição

Que a vida apresentar

Olhem pro lado e me verão

Para lhes ajudar

Onde estiver sempre trago vocês

Dentro do meu coração

E onde estiverem me levem também

Somos um só coração

E toda noite ao escurecer

Seus sonos vou velar

Para afastar o mal de vocês

Até o despertar

Ê pai, ê pai!

Quem vai velar por você?

Ê pai, ê pai, ê, ê…

Ê pai, ê pai!

Quem vai velar por você?

Ê pai, ê pai, ê, ê…


(Crédito da imagem: João Bosco em foto de Flora Pimentel)

Deixe uma resposta