DJ acusado de abusar de Taylor Swift nega irritação por não ter recebido passe VIP em show

Ele também admitiu em resposta às perguntas do advogado de Taylor, J. Douglas Baldrige, que se candidatou para poucos empregos em rádios desde sua demissão da KYGO, há quatro anos. Na terça-feira, ele testemunhou que as acusações de Taylor “custaram minha carreira, minha paixão, minha renda”.

Deixe uma resposta