Papel de racista no filme ‘Detroit’ provocou luta interior em ator: ‘É muito ofensivo’

Pete Hammond, crítico de cinema do site Deadline.com, classificou sua atuação como “a quintessência do mal”, e A.O. Scott, do jornal New York Times, disse que Poulter interpretou o papel como um “sociopata imaturo”.

Deixe uma resposta