Duo AnaVitória segue trilha de Iorc e se junta com astros do ‘mainstream’


Três meses após lançar em abril single gravado com participação da dupla sertaneja Matheus & Kauan, Fica, a dupla AnaVitória – formada pela cantora e compositora Ana Caetano com a cantora Vitória Falcão – faz conexão com o Projota no single Linda (Projota, Dan Valbusa, Pedro Dash e Vinicius Nallon). Gravada pelo jovem astro do rap pop com a dupla originária da interiorana cidade de Araguaína (TO), a inédita música Linda é quarto single de A milenar arte de meter o louco, álbum que Projota vai lançar em 28 de julho.


A participação de AnaVitória no single (e no clipe lançado simultaneamente com a música na última quinta-feira, 13 de julho) mostra que a dupla já segue o caminho trilhado por Tiago Iorc – produtor do primeiro álbum das artistas e avalista da carreira dupla – rumo ao mainstream do mercado fonográfico brasileiro. Uma das regras de quem está na linha de frente desse mercado é se misturar com artistas de outros gêneros e segmentos para ampliar a rede de fãs.


Cantor e compositor tornado popstar ao longo de 2016, Iorc soube seguir essa receita de sucesso. Não por acaso, Iorc já participou de gravações de shows de nomes como Solange Almeida e lançou na web um cover de sucesso de Anitta, Bang (Anitta, Jefferson Junior e Umberto Tavares, 2015). Faz parte do show!


Em essência, AnaVitória faz som calcado no pop de tons ruralistas. Em tese, gravar com dupla sertaneja e com um rapper seria desviar o som e a imagem da dupla do trilho habitual. Mas é assim que a indústria da música fabrica ídolos no momento e os agrupa sob o mesmo genérico rótulo de pop. Quem quiser conquistar o mercado comum da música pop brasileira – e lá permanecer – precisa abrir mão de purismos musicais, dançando conforme o ritmo do momento, como tem feito AnaVitória.


(Créditos das imagens: Projota com a dupla AnaVitória. Capa do single Linda)

Deixe uma resposta