Sander, ex-vocalista da boyband Twister, fala sobre tocar no metrô: ‘Muito mais feliz do que era antes’

Quando estourou no Twister, Sander tinha 17 anos. Hoje, tem 34 e, após “se casar e separar um monte de vezes”, mora com os pais. “Tive minha fase difícil, de glória, tensa, ‘trash’… Tudo constroi o artista e a pessoa que sou hoje. Pensei: por que não ir para a rua, no metrô? Achei interessante e fui incentivado por amigos. Pedi dicas e fui aprendendo. Tem o horário certo, o trecho certo. Aprendi que tem que cantar antes da estação Consolação, quando todo mundo sai.”

Deixe uma resposta