Pianista da PB representa a América Latina no Festival de Jazz de Montreux 2017

Entre as influências citadas por Salomão, estão Sivuca, Dominguinhos, Egberto Gismonti e Hermeto Pascoal, brasileiro que também participou do mesmo festival que o pianista vai competir. “Hermeto tem esse conceito da música universal, música sem rótulos, onde mistura tudo, pode ter frevo, forró, samba, tudo numa coisa só. E é isso que eu faço e que defendo e apresento para o público”, completa.

Deixe uma resposta