Eleanor Coppola estreia na direção de ficção aos 80 anos com ‘Paris pode esperar’

Podem até chamá-lo de “Encontros e Desencontros 2”, ou a versão da meia-idade do filme de 2003 de Sofia Coppola. Mas “Paris Pode Esperar”, escrito e dirigido por Eleanor Coppola (mãe de Sofia, mulher de Francis Ford), que estreia como diretora de ficção aos 80 anos, tem como protagonista uma bela mulher, um tanto negligenciada pelo marido, que se reencontra na companhia de outro homem –por quem não está, necessariamente, apaixonada.

Deixe uma resposta