Guns N’ Roses e vocal do Megadeth homenageiam a Chapecoense; veja

Montagem feita pelo Guns N' Roses para homenagear a Chapecoense; imagem em preto e branco junta o símbolo da banda e o escudo do time brasileiro (Foto: Reprodução/Twitter/gunsnroses)Montagem feita pelo Guns N’ Roses para homenagear a Chapecoense; imagem em preto e branco junta o símbolo da banda e o escudo do time brasileiro (Foto: Reprodução/Twitter/gunsnroses)
 

CHAPECOENSE
Cai avião que levava o time e jornalistas

A banda Guns N’ Roses e o vocalista e guitarrista do Megadeth, Dave Mustaine, fizeram homenagens às vítimas do acidente com o avião da Chapecoense na Colômbia nesta terça-feira (29). A queda da aeronave que levava 77 pessoas, incluindo a delegação do time brasileiro, jornalistas e nove tripulantes, deixou 71 mortos. Seis passageiros sobreviveram.

No Twitter, o Guns N’ Roses postou um vídeo em que, ao som de “Knockin’ on heaven’s door”, o símbolo da banda se funde com o escudo da equipe brasileira. A montagem também passou a ser na imagem do perfil do grupo. Além disso, o Guns usou a hashtag #ForçaChape.

Clique aqui para assistir à homenagem do Guns N’ Roses à Chapecoense.

O guitarrista da banda, Slash, também comentou o acidente. “Nossos pensamentos & orações vão para as vítimas & famílias do voo RJ85 e para os torcedores do time da Chapecoense”, escreveu ele.

Já Dave Mustaine comentou: “Minhas condolências ao time brasileiro da Chapecoense e todos que perderam suas vidas no acidente de avião desta segunda à noite na Colômbia”.

O acidente

O voo que transportava a equipe da Chapecoense partiu na noite de segunda-feira (28) de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, em direção a Medellín. A Chapecoense viajava para disputar a primeira partida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional.

Em coletiva de imprensa, Julio César Varela, da Direção Geral de Aeronáutica Civil boliviana, disse que o avião decolou em “perfeitas condições”.

Segundo a imprensa local, a aeronave perdeu contato com a torre de controle às 22h15 (1h15 na hora de Brasília), entre as cidades de La Ceja e Abejorral, e caiu ao se aproximar do Aeroporto José Maria Córdova, em Rionegro, perto de Medellín.

O Itamaray informou nesta quarta-feira (30) que cerca de 20 dos 71 corpos das vítimas já haviam sido identificados no Instituto Médico Legal de Medellín até as 13h (hora de Brasília).

Sobreviveram à queda os jogadores Alan Ruschel, teve uma lesão na coluna e pode ficar paraplégico; Follmann, que teve uma perna amputada, e Neto, que está em estado crítico. Também foram resgatados com vida o jornalista Rafael Henzel, o técnico da aeronave Erwin Tumiri e a comissária de bordo Ximena Suarez. O goleiro Danilo chegou a ser socorrido, mas morreu no hospital.

'Nossos pensamentos & orações vão para as vítimas & famílias do voo RJ85 e para os torcedores do time da Chapecoense', escreveu Slash no Twitter (Foto: Reprodução/Twitter/Slash)‘Nossos pensamentos & orações vão para as vítimas & famílias do voo RJ85 e para os torcedores do time da Chapecoense’, escreveu Slash no Twitter (Foto: Reprodução/Twitter/Slash)
'Minhas condolências ao time brasileiro da Chapecoense e todos que perderam suas vidas no acidente de avião desta segunda à noite na Colômbia', escreveu Dave Mustaine, vocalista e guitarrista do Megadeth (Foto: Reprodução/Twitter/DaveMustaine)‘Minhas condolências ao time brasileiro da Chapecoense e todos que perderam suas vidas no acidente de avião desta segunda à noite na Colômbia’, escreveu Dave Mustaine, vocalista e guitarrista do Megadeth (Foto: Reprodução/Twitter/DaveMustaine)

Deixe uma resposta