Guns N’ Roses toca no Rio com Axl, Slash e Duff, após 23 anos

Forte chuva atingia a Cidade do Rock durante o show de Guns N' Roses (Foto: Flavio Moraes/G1)Axl Rose cantou na Cidade do Rock debaixo de muita chuva em 2011 (Foto: Flavio Moraes/G1)

Os fãs do Guns N’ Roses no Rio terão mais uma vez que provar seu amor pela banda até embaixo d’água. Segundo meteorologistas, a apresentação desta terça-feira (15), às 20h30, no Engenhão, será sob chuva – com direito a “November rain” no setlist, claro. Mas o motivo é nobre para encarar o mau tempo: a formação clássica da banda, com Axl Rose, Slash e Duff Mckagan, volta a tocar na cidade após 23 anos – a última foi em 1993.

Não será a primeira vez que a chuva aparece para a banda no Rio. Em março de 2010, um show que seria realizado na Apoteose teve de ser cancelado devido às fortes chuvas. O temporal causou sérios danos à estrutura de palco. A banda voltou no mês seguinte, em abril, em um show cujo atraso de mais de duas horas irritou o público carioca.

Em 2011, o show da banda que fechou a quarta edição do Rock in Rio teve os dois juntos: temporal e atraso, de mais de duas horas. A performance pouco inspirada da banda teve como o destaques (negativos) a roupa amarela e o desempenho vocal abaixo da média de Axl Rose.

Axl Rose no show do Guns N'Rose em São Paulo. (Foto: Divulgação/Katarina Benzova)Axl Rose no show do Guns N’Rose em São Paulo, na sexta-feira (Foto: Divulgação/Katarina Benzova)

O líder da banda demonstrou estar com a voz em dia no show da banda em São Paulo na sexta-feira (11). Também debaixo de chuva, o Guns empolgou o público e ainda fechou com uma homenagem ao compositor Leonard Cohen, morto horas antes da apresentação, aos 82 anos.

Três dias antes, o show em Porto Alegre já havia empolgado.

saiba mais

Esta é a sétima passagem da banda pelo Brasil. O grupo tocou por aqui em 1991, 1993, 2001, 2010, 2011 e 2014 – esta última em longa turnê de nove cidades.

Depois do Rio, o Guns N’ Roses ainda se apresenta em Curitiba, na Pedreira Paulo Leminski (17); e em Brasília, no Estádio Nacional (20). 

Serviço:

Data: 15 de novembro, terça-feira

Local: Estádio Nilton Santos – Engenhão (Rua José dos Reis, 425 – Engenho de Dentro – Rio de JaneiroRJ)

Abertura dos portões: 16h

Show de Abertura Plebe Rude: 19h15

Show Guns N’ Roses: 20h30

Classificação: 16 anos. (menores de 16 anos somente acompanhados dos país ou responsável legal)

Guarda-chuva proibido

O show será realizado ao ar livre e a organização recomenda o uso de capas de chuvas, principalmente na pista e na pista premium. Guarda-chuvas não serão permitidos no estádio.

Outras proibições

Também não é permitido a entrada no local do show com câmera fotográfica profissional ou filmadora; hastes de selfie; bebidas alcoólicas; materiais ou objetos que possam causar ferimentos, armas de fogo ou branca de qualquer espécie, copos de vidro ou qualquer outro tipo de embalagem; fogos de artifício; substâncias tóxicas; papel em rolo, jornais, revistas, bandeiras e faixas com mastro, capacetes de motos ou similares; correntes, cinturões e pingentes; roupas ou acessórios com partes pontiagudas que podem machucar.

Bloqueios de trânsito

Um esquema especial de trânsito foi planejado para o entorno do Engenhão. As mudanças começaram no início na segunda-feira (14), com com proibição de estacionamento em várias vias.

As ruas em volta do estádio, que fica na Zona Norte do Rio, serão bloqueadas às 14h desta terça.

As ruas Goiás, Guilhermina, Arquias Cordeiro, Piauí e Avenida Dom Helder Câmara serão cobertas pela operação e receberão planos semafóricos especiais, de forma a priorizar a fluidez de trânsito, tanto no início como no término do evento.

Metrô:

O Metrô poderá ser usado em conjunto com a SuperVia através da conexão na estação Central do Brasil. Na volta do show, a estação Central do Brasil permanecerá aberta até a chegada do último trem da SuperVia. Todas as estações das linhas 1 e 2 estarão funcionando para desembarque após o show. Compre o seu bilhete de volta com antecedência.

Ônibus:

Cerca de 40 linhas regulares passam pela área do Estádio, vindo de todas as regiões da cidade. O uso do bilhete único, permite a integração com diversas linhas.

Trens:

A Supervia também elaborou planejamento especial para o show.  A circulação regular dos trens acontece das 4h40 às 19h, de acordo com o horário planejado para cada ramal. A partir das 15h30, será iniciada a programação especial com viagens extras até as 21h20 nos ramais Deodoro, Santa Cruz e Japeri. Após o término do show, os trens partirão da estação Olímpica de Engenho de Dentro (programação detalhada nas tabelas abaixo).  

A operação de trânsito contará com 120 homens, entre controladores da CET-Rio, Guardas Municipais e pessoal de apoio, com viaturas e motociclistas, que trabalharão para manter a fluidez, coibir o estacionamento irregular, ordenar os cruzamentos e orientar os pedestres. Serão utilizados 12 painéis de mensagens variáveis que informarão sobre as condições de trânsito no entorno do Estádio, bem como faixas informativas.

Não serão criadas áreas de estacionamento para o evento, por isso, e devido às diversas interdições previstas, não é recomendada a utilização de automóvel particular. A SEOP – Secretaria de Ordem Pública – atuará com reboques baseados em pontos estratégicos e circulando na área de abrangência do evento com a finalidade de reprimir o estacionamento irregular e garantir a fluidez do tráfego.

Principais interdições:

A partir das 14h de terça-feira (15):

Rua Doutor Padilha;

Rua José dos Reis;

Rua Henrique Scheid;

Rua das Oficinas;

Rua Coronel Cunha leal;

Rua Arquias Cordeiro.

Proibição de estacionamento:

Está proibido o estacionamento nas seguintes vias, além dos locais já regulamentados:

Rua Doutor Padilha;

Rua José dos Reis;

Rua Henrique Scheid;

Rua das Oficinas;

Rua Coronel Cunha leal;

Rua Arquias Cordeiro;

Rua Dona Eugênia;

Rua Gentil de Araújo;

Rua Benicio de Abreu;

Rua General Clarindo.

Desvio de trânsito:

O desvio de trânsito deverá ser realizado pelas seguintes vias:  

1 – Veículos procedentes da Rua Goiás com destino à Rua Arquias Cordeiro seguirão pela Rua Guilhermina, Rua Engenheiro Nazaré, Avenida Dom Hélder Câmara, Rua José Bonifácio e Rua Arquias Cordeiro; 

2 – Veículos procedentes da Rua Piauí com destino ao Largo da Abolição seguirão pela Avenida Dom Hélder Câmara sentido Pilares;  

3 – Veículos procedentes da Rua Piauí com destino à Rua Goiás seguirão pela Avenida Dom Hélder Câmara, Avenida João Ribeiro, Rua Glaziou, Rua Moreira, Rua Cantilda Maciel, Rua Macedo Braga; Rua da Abolição, Rua Mário Carpenter, Rua Silvania e Rua Goiás;  

4 – Veículos procedentes da Avenida Dom Hélder Câmara com destino à Rua Arquias Cordeiro seguirão até a Rua José Bonifácio e Rua Arquias Cordeiro.

Esquema especial- SuperVia

A SuperVia elaborou planejamento especial para o show do Guns N’ Roses. Neste dia, a circulação regular dos trens acontece das 4h40 às 19h, de acordo com o horário planejado para cada ramal.

Trens extras para ida ao show

SuperVia tem esquema especial de trens para show do Guns n'Roses (Foto: Reprodução)SuperVia tem esquema especial de trens para show do Guns n’Roses (Foto: Reprodução/Centro de Operações)

Trens extras para retorno do show – partindo da estação Olímpica de Engenho de Dentro

Trens extras para retorno do show do Guns N'Roses, partindo da estação Olímpica de Engenho de Dentro (Foto: Reprodução/Centro de Operações)Trens extras para retorno do show do Guns N’ Roses, partindo da estação Olímpica de Engenho de Dentro (Foto: Reprodução/Centro de Operações)

 

 

Deixe uma resposta