Assista ao trailer do documentário ‘Imagens do Estado Novo 1937- 45’

Selecionado para a competição brasileira de longas e médias-metragens da 21ª edição do É Tudo Verdade – Festival Internacional de Documentários, o filme “Imagens do Estado Novo 1937- 45” recorre a imagens de arquivo para recuperar um dos períodos de Getúlio Vargas no poder.

Assista, acima, ao trailer de ‘Imagens do Estado Novo 1937- 45’.

saiba mais

A direção é de Eduardo Escorel, que fez a trilogia histórica “1930 – Tempo de revolução” (1990), “32 – A guerra civil” (1993) e “35 – O assalto ao poder” (2002). O cineasta é também conhecido por seu trabalho como crítico e montador.

Foi respondável pela montagem de “Terra em transe” (1966) e “O dragão da maldade contra o santo guerreiro” (1969), ambos de Glauber Rocha; “Macunaíma” (1969), de Joaquim Pedro de Andrade; “São Bernardo” (1971), de Leon Hirszman; “Cabra marcado para morrer” (1984), de Eduardo Coutinho”; e “Santiago” (2007), de João Moreira Salles.

Em “Imagens do Estado Novo 1937- 45”, Escorel recorre a cine-jornais, fotografias, cartas, filmes, diários e músicas populares para propor uma “comparação e análise desses registros hererogêneos, produzidos para fins diversos, da propaganda política à celebração familiar”, descreve a sinopse.

A ideia é “explorar as diversas camadas da trama política do Estado Novo, expondo duas fontes de inspiração externas, sua forma de funcionamento e contradições”.

‘Imagens do Estado Novo’ no É Tudo Verdade

Dia 10 de abril, domingo, Espaço Itaú Botagofo, Rio, às 17h

Dia 11 de abril, segunda-feira, Espaço Itaú Botafogo, Rio, às 13h

Dia 12 de abril, terça-feira, Cinearte, São Paulo, às 19h

Dia 13 de abril, quarta-feira, Cinearte, São Paulo, às 13h

Imagem do documentário 'Imagens do Estado Novo 1937- 45', de Eduardo Escorel (Foto: Divulgação)Imagem do documentário 'Imagens do Estado Novo 1937- 45', de Eduardo Escorel (Foto: Divulgação)

Deixe uma resposta