Advogado acusado de hipnotizar duas clientes perde registro nos EUA

Michael Fine foi acusado de hipnotizar duas clientes (Foto: Reprodução/YouTube/WKYC)Michael Fine foi acusado de hipnotizar

duas clientes (Foto: Reprodução/YouTube/WKYC)

Um advogado de Ohio acusado de hipnotizar mulheres fez um acordo e renunciou a seu registro profissional de maneira permanente.

Michael Fine entregou o registro na segunda-feira, e um porta-voz da Suprema Corte do Estado disse que ele não poderá mais exercer advocacia nos Estados Unidos.

A polícia de Sheffield, uma pequena cidade de Ohio, começou a investigar Fine no ano passado.

Segundo as autoridades, duas mulheres denunciaram Fine ao acreditar que teriam sido hipnotizadas por ele, porque perderam a noção do tempo e não conseguiam lembrar as reuniões e conversas telefônicas com o advogado.

Os investigadores dizem ter gravações de Fine em que ele usa termos sexuais quando conversa com as mulheres.

saiba mais

 

Deixe uma resposta