Tutora de filha de Whitney Houston acusa namorado de oferecer drogas

Ao lado do marido, Nick Gordon, Bobbi Kristina Brown chega à première de ‘Sparkle’, último filme de sua mãe, Whitney Houston, no Grauman’s Chinese Theatre, em Hollywood, no dia 16 de agosto de 2012 (Foto: Frazer Harrison/Getty Images/AFP)Ao lado de Nick Gordon, Bobbi Kristina Brown chega à première de ‘Sparkle’, último filme de sua mãe, Whitney Houston, no Grauman’s Chinese Theatre, em Hollywood, no dia 16 de agosto de 2012 (Foto: Frazer Harrison/Getty Images/AFP)

A tutora de Bobbi Kristina Brown, filha da cantora Whitney Houston, apresentou na sexta-feira um processo a Corte dos Estados Unidos contra Nick Gordon, namorado da jovem, por supostamente fornecer-lhe um “coquetel tóxico” de drogas e abandoná-la na banheira, segundo informações da agência EFE.

No final do último mês de janeiro, Bobbi Kristina, de 22 anos, foi achada inconsciente em uma banheira de sua residência na Geórgia e permaneceu em coma durante meses até sua transferência a um centro de cuidados paliativos, onde finalmente morreu em 26 de julho.

saiba mais

De acordo com o processo apresentado em uma Corte de Atlanta (Geórgia), na madrugada de 31 de janeiro o namorado da jovem, Nick Gordon, chegou à casa que dividia com Bobbi Kristina após ter “passado toda a noite consumindo álcool e cocaína” e ambos se envolveram em uma discussão de quase 30 minutos, segundo a revista “People”.

Após isto, segundo os papéis remetidos à Corte, apresentados por Bedelia C. Hargrove, que figura como tutora e amiga da falecida, o quarto principal ficou “abruptamente em completo silêncio” e Gordon deixou o dormitório com outra roupa.

A documentação assinala que Gordon deu à jovem um “coquetel tóxico” e a colocou em uma banheira com água gelada.

Durante o fato, o casal esteve na companhia de mais duas pessoas dentro da casa, uma das quais, 15 minutos depois, encontrou a jovem inconsciente na banheira com ferimentos no rosto e um dente frouxo, de acordo com este processo.

Depois que encontraram a jovem na banheira, Gordon retornou ao quarto e tentou reanimá-la sem sucesso.

A causa inicial acusava Gordon de abuso físico e de retirar sem autorização mais de US$ 10 mil da conta bancária de Bobbi Kristina, mas o novo processo acrescenta a acusação de morte por negligência.

Os representantes da filha de Whitney Houston exigem de Gordon, que também é seu irmão adotivo, US$ 10 milhões por danos e prejuízos.

Inicialmente, Gordon disse às autoridades locais que as marcas no rosto no e corpo de Bobbi Kristina eram consequência de seus esforços para revivê-la quando a tirou inconsciente da banheira.

O casal, que formalizou sua relação após a morte de Whitney Houston, tinha tido vários incidentes de violência doméstica no passado.

Bobbi Kristina era a única filha do casamento entre os cantores Bobby Brown e Whitney Houston, falecida em fevereiro de 2012 aos 48 anos afogada na banheira de um hotel em Beverly Hills.

Deixe uma resposta